Home
Fique por dentro das notícias do mundo gospel.

Vineyard Music Brasil lança seu primeiro DVD

Print

“Vem, esta é a hora”, primeiro registro nacional da Vineyard Music, rendeu disco de platina ao Ministério. Vem esta é a hora – ao vivo possui todos os requisitos para trilhar o mesmo caminho. O disco, lançado em cd e dvd, é distribuído pela Aliança que mantém uma parceria de muito sucesso com a Vineyard Music, misturando qualidade e excelência, com músicas inspiradas a serviço da expansão do Reino de Deus.

A gravação foi realizada no dia 10 de abril de 2008 e o local escolhido foi uma locação nada convencional. O evento ocorreu na Casa das Caldeiras – SP. O local, tombado como patrimônio histórico, conseguiu dar, ao mesmo tempo, um ar moderno e rústico à gravação, imprimindo um clima bem intimista ao projeto, que teve toda a produção assinada pela Aliança.

A Aliança é também responsável pela distribuição de outra série muito inspiradora, intitulada “Comunhão e adoração”, cujo seu último lançamento homenageou o ministério do pastor Adhemar de Campos.

Com toda essa experiência da produtora aliada ao ótimo repertório do Ministério, temos um registro áudio-visual dinâmico, com muita movimentação de câmeras, diversas tomadas de ângulo e uma edição caprichada.

Nos Extras assistimos um making of com cenas dos bastidores, créditos, galeria de fotos, discografia do Vineyard e outras lançamentos da Aliança. Destaque para o menu Depoimentos onde são relatados algumas curiosidades sobre a Vineyard, dissertado por membros das igrejas locais.

A gravação começa com a contagiante Vem, esta é a hora, versão para “Come now is the time to worship” de Brian Doerksen. Destaque para os loopings de teclado usados no refrão.

A seguir ouvimos a cativante Reina em mim, versão para “Lord reign in me” de Brenton Brown. Destaque para os riffs de hammond que dão um tempero bacana no arranjo.

Na faixa três temos o groove dançante de Senhor te quero, versão de “In the secret” de Andy Park. Destaque para as intervenções melódicas do sax.

Quebrantado traz a primeira participação especial da noite. Após ser apresentada por Manga (ex-bispo da Renascer, ex-vocalista do G3 e atualmente pastor da Vineyard no Rio), Juninho Afram, o virtuoso guitarrista do Oficina G3, ministra o louvor e ainda executa um arrojado solo de guitarra.

Apesar desse início cheio de hits, nem só de sucessos do passado foi feita a gravação. Representando os hinos mais recentes do ministério temos Mais que um amigo, que é um belo momento de exaltação ao Senhor Jesus.

A canção Me derramar marca presença com uma nova roupagem e conta ainda com o inconfundível timbre de David Quinlan num dueto emocionante com Greta Lira.

Outro belo momento de contrição e entrega acontece no hino Meu respirar, versão para “Breathe” de Marie Barnett. Nesta versão a cantora Andréia Miassaca divide os vocais com Nívea Soares. A interpretação da dupla é impecável e dão uma característica toda especial à música. No turn around final ainda temos o reforço vocal de David na ministração.

Gravada originalmente no álbum “Entrega”, a balada pop Teu nome é santo leva o set list para um momento mais festivo. Destaque mais uma vez para as intervenções melódicas do sax e do hammond.

Power chords de guitarra conduzem o pop rock Santo que é cativante e envolvente. Musicalmente falando, o louvor tem um refrão muito bom e conta ainda com uma ponte cheia de intensidade. Destaque para a dinâmica do arranjo executado com maestria pelo instrumental

Mantendo o clima de júbilo das canções anteriores, adoramos a Deus com Mais que tudo e Grande Deus. Ambas exaltam a soberania e o amor de Deus e fazem a alegria da galera com suas levadas dançantes.

Mais que tudo é conduzida pela guitarra, possui uma dinâmica interessante e é recheada de convenções.

Grande Deus tem uma pegada mais pesada, com a guitarra distorcida ao lado de uma bateria bate-estaca e bastante órgão. O turn around final é denso e empolgante.

Fechando o repertório temos o medley composto por “Tua misericórdia Senhor se derrama”, “O meu amor” e o bis de “Senhor te quero”. Conduzidos por Manga, a banda interage com a galera presente na gravação num final alegre e festivo na presença do Pai.

No início de 2008 a Vineyard Brasil foi premiada no Troféu Talento pelo lançamento do “Melhor Álbum Instrumental” de 2007.

Este prêmio foi o reconhecimento do ótimo trabalho realizado por este ministério, que possui atributos básicos para o sucesso como simplicidade, acessibilidade e acima de tudo qualidade.

d408bac5c9fa4a52016bd8c9d6bed819-copy

Maiores informações: www.vineyardmusic.com

Tags: , , ,

Faça seu comentário