Home
Fique por dentro das notícias do mundo gospel.

Deus é Incrível

Mani (29 anos)

“Eu era o mais fraco da minha família. Não me sentia próximo de Alá. Um homem me aconselhou, certa vez, a orar e jejuar por 40 dias. Ele falou: ‘Quando Alá não está tocando você, Ele não tem o direito de julgar’. Mas não aconteceu nada. Na época, eu tinha 21 anos. Eu decidi: ‘Se não existe Deus, então não existe nada’. Comecei a viver minha vida de qualquer maneira, fazendo todas as coisas ruins que eu poderia imaginar. Saí de casa e aluguei outra com uns amigos. Fazíamos coisas terríveis. Durou até meus 23 anos.

Tinha um cliente que era cristão. Falei com ele três vezes sobre Jesus. Ele me chamou pra ir a casa dele e assistimos ao filme Jesus. Lá, entreguei meu coração a Jesus.

Na época, eu bebia, usava drogas e fumava também. Algumas desses desejos desapareceram da minha vida de uma vez só. Outros, eu resolvi parar por conta própria.

Nas três semanas seguintes, vivia tomado pelos sentimentos que me sobrevieram naquele momento. Não tinha nenhum conhecimento. Comecei a participar de estudos na casa daquele homem, algumas eram sobre o Espírito Santo. Finalmente conseguir dizer “sim” para Jesus, pois entendi melhor o que era ser pecador. Então me arrependi e chorei muito.

Uma vez, o pastor me disse para voltar para casa e pedir perdão para minha família. Eles viram como eu havia mudado e aceitaram meu pedido de desculpa. Meu irmão que é 3 anos mais velho que eu é bastante amigo meu. Ele ficou furioso e começou a discutir, tentando provar que eu era um bom muçulmano. Uns dois meses depois, ele teve um sonho e se tornou cristão também.

Estou maravilhado ao ver como Deus pode me usar. Ele me fortalece! Meu chamado é ajudar convertidos que acabam amargurados, se sentem sozinhos. Além disso, gosto de evangelizar.

Não faz muito tempo que um garoto, envolvido com meditações (ele não era cristão), veio me pedir ajuda. Ele esteve em contato com um homem possuído por demônios e não sabia o que fazer. O homem sabia que eu era cristão. Ele foi libertado e, em duas semanas, leu o Novo Testamento inteirinho. Aquele novo homem começou a compartilhar sua experiência com outras pessoas e também distribuiu o Novo Testamento. Em três semanas, duas pessoas haviam se convertido. Deus é incrível!” Fonte: http://www.underground.org.br/

Tags: , , , , ,

Faça seu comentário