Home
Fique por dentro das notícias do mundo gospel.

Voluntárias paraibanas doam cabelos em apoio às vítimas de escalpelamento

O atendimento social no terceiro dia de ação missionária da Tenda da Esperança trouxe uma grande novidade. As jovens Janaina Trindade (PB), Taís Flora (ES), Hortência Silva (PB) e Juliana Pimentel (RJ) decidiram doar seus cabelos para confecção de perucas que serão destinadas a crianças escalpeladas do Pará. As doações apoiarão o Projeto das Perucas, iniciativa das Jovens Cristãs em Ação da Primeira Igreja Batista do Pará.

O escalpelamento é um acidente que acontece devido à falta de segurança em transportes fluviais. As vítimas, ao se aproximarem do motor, tem seus cabelos puxados pelo eixo. A forte rotação enrola os cabelos em torno do eixo, arrancando parte ou todo o escalpo. Em alguns casos, as vítimas chegam a perder orelhas, sobrancelhas e por vezes uma enorme parte da pele do rosto e pescoço, levando a deformações graves e até a morte.

Para a jovem Janaína Trindade, doar os cabelos também é uma forma de demonstrar o amor de Deus. “Sempre recebi muitos elogios aos meus cabelos e sempre me senti bem com isso. No entanto, eu nunca pensei em vender ou dar o meu cabelo, ou imaginar que Deus, um dia, poderia tratar minha vida usando até meus cabelos”. Segundo a voluntária, as perucas poderão ajudar na auto-estima das crianças, levando-as um pouco de alegria. “Desejo que as meninas sintam-se amadas por Deus e, se meus cabelos servirem para isso, ficarei feliz e doarei muitas outras vezes”, completou.

O Projeto das Perucas existe há um ano e já conta com o apoio do Sindicato dos Cabeleireiros, do Rotary Club e da TV Cultura. Ao perceberem o grande problema vivido pelas meninas das comunidades , as jovens lançaram o projeto e, neste ano, por ocasião da Tenda, compartilharam com as voluntárias sobre esta necessidade, causando comoção e desprendimento das mesmas.

Entre os anos de 1982 e 2009, o estado do Pará notificou 242 acidentes por escalpelamento nos municípios do Marajó, da região Metropolitana, região Nordeste, região do Baixo Tocantins e Tapajós.

Fonte: Missões Nacionais

Tags: , , , , , , , , , ,

1 Comentário

  1. Meu nome é Doralice e ouvi uma amiga falar sobre esse projeto e por isso estou deixando meu cabelo crescer e já está quase na cintura, minha vontade é de cortar agora em Agosto e gostaria de saber cmo fazer para doá-lo a esse projeto tão lindo. Fico aguardando contato.

Faça seu comentário